Menu

Águas Lindas de Goiás terá primeiro hospital de campanha construído pelo Governo Federal para combater a doença

Hospital terá 200 leitos para unidades de tratamento semi-intensivas, com tubulação e suporte para respiradores

Banners

Águas Lindas de Goiás é um município que fica no entorno do Distrito Federal e tem população estimada em pouco mais de 200 mil habitantes. E agora é, também, a primeira cidade do país a receber um hospital de campanha construído pelo Governo Federal. A escolha do local foi feita depois do governo de Goiás pedir apoio da União no combate à Covid-19. Desta forma, o hospital vai complementar os sistemas de saúde de Goiás e do Distrito Federal. O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, explicou que essa é uma medida que está sendo realizada entre o Governo Federal e pelo governo de Goiás.

“Uma equipe técnica do Ministério da Saúde está andando junto com o Ministério da Integração e nós vamos entrar com a planta, vamos construí-lo, vamos entregar com a mobília, toda pronta com a chave. E o governo de Goiás entra com os recursos humanos, com os equipamentos que ele ache necessário de colocar nessa unidade”. 

De acordo com o ministro Luiz Henrique Mandetta, a construção desse hospital está sendo analisada para que possa servir como base para outros hospitais do mesmo modelo em outros estados do país. 

“Essa é a primeira. Nós estamos cronometrando passo a passo, dia a dia, para ver em quanto tempo conseguimos colocar, quais são as dificuldades, quais são as adequações que tenham de ser feitas para que esse sirva de referência para eventuais outras solicitações que a gente imagine que possa haver”.   

O hospital terá 200 leitos para unidades de tratamento semi-intensivas, com tubulação e suporte para respiradores. Além disso, terá espaço para refeitório e alojamento para os profissionais de saúde. O hospital terá instalações de gás, água, energia, esgoto e o terreno onde ficará possui 10 mil metros quadrados e foi terraplanado pela prefeitura de Águas Lindas. 

Janary Bastos Damacena



Cadastre-se

LOC.: Águas Lindas de Goiás é um município que fica no entorno do Distrito Federal e tem população estimada em pouco mais de 200 mil habitantes. E agora é, também, a primeira cidade do país a receber um hospital de campanha construído pelo Governo Federal. A escolha do local foi feita depois do governo de Goiás pedir apoio da União no combate à Covid-19. Desta forma, o hospital vai complementar os sistemas de saúde de Goiás e do Distrito Federal. O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, explicou que essa é uma medida que está sendo realizada entre o Governo Federal e pelo governo de Goiás.

 

TEC./SONORA: Ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta.

“Uma equipe técnica do Ministério da Saúde está andando junto com o Ministério da Integração e nós vamos entrar com a planta, vamos construí-lo, vamos entregar com a mobília, toda pronta com a chave. E o governo de Goiás entra com os recursos humanos, com os equipamentos que ele ache necessário de colocar nessa unidade”. 

 

LOC.: O hospital terá 200 leitos para unidades de tratamento semi-intensivas, com tubulação e suporte para respiradores. Além disso, terá espaço para refeitório e alojamento para os profissionais de saúde. O hospital terá instalações de gás, água, energia, esgoto e o terreno onde ficará possui 10 mil metros quadrados e foi terraplanado pela prefeitura de Águas Lindas. Para mais informações, acesse: saude.gov.br/coronavirus.

TEC./SONORA: Ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta.

“Essa é a primeira. Nós estamos cronometrando passo a passo, dia a dia, para ver em quanto tempo conseguimos colocar, quais são as dificuldades, quais são as adequações que tenham de ser feitas para que esse sirva de referência para eventuais outras solicitações que a gente imagine que possa haver”.   

 

LOC.: De acordo com o ministro Luiz Henrique Mandetta, a construção desse hospital está sendo analisada para que possa servir como base para outros hospitais do mesmo modelo em outros estados do país.