Menu

Autoridades espanholas confirmam primeiro caso de dengue transmitido sexualmente

Caso ocorreu na Espanha e pode mudar paradigma de que vírus só é transmitido pela picada do mosquito Aedes aegypti

  • Repórter
  • Data de publicação:
Banners
Foto: Agência Brasil

Autoridades espanholas confirmaram o primeiro caso de transmissão de dengue através de relações sexuais. Representantes divulgaram que haviam registrado a transmissão de dengue por via sexual entre dois homens.

Segundo os porta-vozes do Centro Europeu de Prevenção e Controle de Doenças da Espanha, o caso era “o primeiro de transmissão sexual do vírus da dengue entre dois homens". Essa é a primeira vez no mundo em que uma ocorrência desse tipo é confirmada. Até então se considerava que o vírus era transmitido somente pela picada do mosquito Aedes aegypti.

A contaminação foi diagnosticada em um homem de 41 anos, na capital espanhola. Ele adquiriu dengue ao seu relacionar com o seu companheiro, que contraiu o vírus que causa a doença durante viagem para Cuba, onde foi picado pelo mosquito transmissor.

Testes comprovaram que os dois homens tinham dengue. Foram recolhidas amostras de sêmen, em que foi detectada a presença de dengue e com o mesmo tipo de vírus que circula em Cuba. Este é o primeiro registro de provável transmissão sexual do vírus da dengue em uma área sem a presença de mosquitos vetores da doença.
 

Paulo Henrique

Formado em Jornalismo e com Pós-Graduação em Gestão da Comunicação nas Organizações, possui experiência em redações e assessorias, atuou como estagiário na Secretaria de Saúde do Distrito Federal, no Portal R7 e na ASCOM da Câmara dos Deputados. Depois de formado, foi Assessor de Comunicação do Instituto de Migrações e Direitos Humanos e atualmente é repórter na Agência do Rádio.


Cadastre-se

Autoridades espanholas confirmaram o primeiro caso de transmissão de dengue através de relações sexuais. Segundo os porta-vozes do Centro Europeu de Prevenção e Controle de Doenças da Espanha, o caso era “o primeiro de transmissão sexual do vírus da dengue entre dois homens". Essa é a primeira vez no mundo em que uma ocorrência desse tipo é confirmada. Até então se considerava que o vírus era transmitido somente pela picada do mosquito Aedes aegypti.

A contaminação foi diagnosticada em um homem de 41 anos, na capital espanhola. Ele adquiriu dengue ao seu relacionar com o seu companheiro, que contraiu o vírus que causa a doença durante viagem para Cuba, onde foi picado pelo mosquito transmissor.

Testes comprovaram que os dois homens tinham dengue. Foram recolhidas amostras de sêmen, em que foi detectada a presença de dengue e com o mesmo tipo de vírus que circula em Cuba. Este é o primeiro registro de provável transmissão sexual do vírus da dengue em uma área sem a presença de mosquitos vetores da doença.

Reportagem, Paulo Henrique Gomes