Menu

Bolsonaro assina decreto para estimular desenvolvimento regional

Presidente também apresentou os Planos Regionais de Desenvolvimento da Amazônia, do Centro-Oeste e do Nordeste.

Banners
Foto: Marcos Corrêa/PR

O presidente Jair Bolsonaro editou, nesta quinta-feira (30), o decreto que institui a Política Nacional de Desenvolvimento Regional (PNDR). A medida, segundo o governo, tem o objetivo de aprimorar e fortalecer as ações e instrumentos relacionados ao desenvolvimento e financiamento regional.

De acordo com o Ministério do Desenvolvimento Regional, o Brasil ainda encontra problemas para enfrentar desigualdades regionais, de modo que esse decreto, no entendimento do governo, institui medidas que buscam o pleno desenvolvimento do País e a redução destas desigualdades regionais.

Também foram apresentados, durante a cerimônia no Palácio do Planalto, os Planos Regionais de Desenvolvimento da Amazônia, do Centro-Oeste e do Nordeste.

João Paulo Machado

João Paulo é graduado pelo Centro Universitário de Brasília (UniCEUB) e iniciou sua carreira estagiando na área de reportagem da Rádio Nacional (EBC). Na Agência do Rádio atuou na cobertura de eventos importantes como os Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016. No mesmo período, desenvolveu trabalho em parceria com o Ministério do Esporte redigindo reportagens para o portal Brasil2016.gov.br, além de colaborações para redes sociais.Atualmente, cobre os acontecimentos da Praça dos Três Poderes para a Agência do Rádio.


Conteúdos relacionados

Cadastre-se

O presidente Jair Bolsonaro editou, nesta quinta-feira (30), o decreto que institui a Política Nacional de Desenvolvimento Regional (PNDR). A medida, segundo o governo, tem o objetivo de aprimorar e fortalecer as ações e instrumentos relacionados ao desenvolvimento e financiamento regional.

De acordo com o Ministério do Desenvolvimento Regional, o Brasil ainda encontra problemas para enfrentar desigualdades regionais, de modo que esse decreto, no entendimento do governo, institui medidas que buscam o pleno desenvolvimento do País e a redução destas desigualdades regionais.

Também foram apresentados, durante a cerimônia no Palácio do Planalto, os Planos Regionais de Desenvolvimento da Amazônia, do Centro-Oeste e do Nordeste.

Reportagem, João Paulo Machado