Menu

BRASILEIRÃO: Fla atropela Palmeiras de novo e Mano Menezes é demitido

Nova derrota faz Verdão demitir treinador e diretor de futebol

  • Repórter
  • Data de publicação:
Banners
Créditos: Alexandre Vidal / Flamengo

O Brasileirão se aproxima cada vez mais do fim, e neste fim de semana nove jogos agitaram a 36ª rodada.

E em um dos jogos mais esperados do segundo turno, um atropelo. Palmeiras e Flamengo, os dois elencos mais caros do campeonatos, se enfrentaram pela segunda vez no torneio e mais uma vez, só deu Mengão. O atual campeão bateu o rival paulista com tranquilidade, três a um para o Fla. Arrascaeta e Gabigol, duas vezes, marcaram para o Rubro Negro. Com os dois gols marcados, Gabigol chegou a 24 gols no campeonato, além de ser o artilheiro isolado de 2019, o atacante se tornou o goleador coma mais gols em uma única edição. Matheus Fernandes fez o de honra para o Palmeiras, que após a derrota demitiu o técnico Mano Menezes e o gerente de futebol, Alexandre Mattos. Clima quente no Verdão.

Quem agradeceu a vitória do Fla foi o Santos. Na segunda posição, o Peixe bateu a Chapecoense, já rebaixada, por dois a zero. Com o resultado, o Santos abriu três pontos de vantagem para o Palmeiras, que está em terceiro. 

Em Porto Alegre, o Grêmio não tomou conhecimento do São Paulo e aplicou três a zero. O Tricolor gaúcho é o quarto colocado com 62 pontos. O São Paulo é o sexto na tabela.

O Fortaleza engatou a segunda vitória consecutiva e subiu para a nona posição. Fora de casa, o Leão do Pici derrotou o Goiás por dois a um. O Esmeraldino caiu para a décima posição.

Quem também venceu fora de casa foi o Bahia, que bateu o CSA por dois a um. O Tricolor Baiano está em 11º lugar, o CSA segue na 18ª posição. 

Após quatro jogos sem saber o que é vencer, o Atlético Mineiro derrotou o Corinthians por dois a um no Independência. O Galo é o 12º na classificação, o Timão caiu para o oitavo lugar.

Na parte mais baixa da tabela, Avaí e Fluminense empataram em um a um. O time catarinense já está rebaixado, o Flu luta para não cair e está na 15ª posição.

Fora de casa, o Internacional derrotou o Botafogo por um a zero. O Inter está em sétimo, o Fogão é o 14º.

No Castelão, o Ceará, 16º colocado, empatou em um a um com o Athletico Paranaense, quinto na tabela.

Nesta segunda, uma partida fecha a rodada, e tem time grande lutando pela permanência na série A. Em São Januário, o Vasco recebe o desesperado Cruzeiro. O Gigante da Colina está em 13º lugar, a Raposa está no  17º lugar e precisa da vitória a qualquer custo para sair da zona da degola. O Cruzeiro tem 36 pontos, dois a menos que o Ceará, primeiro time fora da zona do rebaixamento. A bola rola à partir das 20h, horário de Brasília.

Raphael Costa

O repórter Raphael Costa formou-se em 2015 no Centro Universitário de Brasília (CEUB), mas deu início à sua carreira anteriormente. Originalmente paulista, começou em um programa de Rádio e TV local, até se mudar para Brasília. Com cerca de três anos de casa, é a voz que noticia esportes, agricultura e economia.


Cadastre-se

O Brasileirão se aproxima cada vez mais do fim, e neste fim de semana nove jogos agitaram a 36ª rodada.

E em um dos jogos mais esperados do segundo turno, um atropelo. Palmeiras e Flamengo, os dois elencos mais caros do campeonatos, se enfrentaram pela segunda vez no torneio e mais uma vez, só deu Mengão. O atual campeão bateu o rival paulista com tranquilidade, três a um para o Fla. Arrascaeta e Gabigol, duas vezes, marcaram para o Rubro Negro. Com os dois gols marcados, Gabigol chegou a 24 gols no campeonato, além de ser o artilheiro isolado de 2019, o atacante se tornou o goleador coma mais gols em uma única edição. Matheus Fernandes fez o de honra para o Palmeiras, que após a derrota demitiu o técnico Mano Menezes e o gerente de futebol, Alexandre Mattos. Clima quente no Verdão.

Quem agradeceu a vitória do Fla foi o Santos. Na segunda posição, o Peixe bateu a Chapecoense, já rebaixada, por dois a zero. Com o resultado, o Santos abriu três pontos de vantagem para o Palmeiras, que está em terceiro. 

Em Porto Alegre, o Grêmio não tomou conhecimento do São Paulo e aplicou três a zero. O Tricolor gaúcho é o quarto colocado com 62 pontos. O São Paulo é o sexto na tabela.

O Fortaleza engatou a segunda vitória consecutiva e subiu para a nona posição. Fora de casa, o Leão do Pici derrotou o Goiás por dois a um. O Esmeraldino caiu para a décima posição.

Quem também venceu fora de casa foi o Bahia, que bateu o CSA por dois a um. O Tricolor Baiano está em 11º lugar, o CSA segue na 18ª posição. 

Após quatro jogos sem saber o que é vencer, o Atlético Mineiro derrotou o Corinthians por dois a um no Independência. O Galo é o 12º na classificação, o Timão caiu para o oitavo lugar.

Na parte mais baixa da tabela, Avaí e Fluminense empataram em um a um. O time catarinense já está rebaixado, o Flu luta para não cair e está na 15ª posição.

Fora de casa, o Internacional derrotou o Botafogo por um a zero. O Inter está em sétimo, o Fogão é o 14º.

No Castelão, o Ceará, 16º colocado, empatou em um a um com o Athletico Paranaense, quinto na tabela.

Nesta segunda, uma partida fecha a rodada, e tem time grande lutando pela permanência na série A. Em São Januário, o Vasco recebe o desesperado Cruzeiro. O Gigante da Colina está em 13º lugar, a Raposa está no  17º lugar e precisa da vitória a qualquer custo para sair da zona da degola. O Cruzeiro tem 36 pontos, dois a menos que o Ceará, primeiro time fora da zona do rebaixamento. A bola rola à partir das 20h, horário de Brasília.

Reportagem, Raphael Costa