Menu

BRASILEIRÃO: Fla bate Furacão fora de casa e quebra tabu de 45 anos

São Paulo vence clássico contra Corinthians com gol de Reinaldo

  • Repórter
  • Data de publicação:
Banners
Créditos: Alexandre Vidal/ Flamengo

Mais um fim de semana recheado de emoção pelo Campeonato Brasileiro. Dez partidas movimentaram a 25ª rodada.

E quem para o líder Flamengo? O Rubro-Negro foi até a Arena da Baixada enfrentar o Athletico Paranaense e voltou com os três pontos. Bruno Henrique marcou duas vezes e garantiu a vitória diante do Furacão, quebrando um tabu de 45 anos. Desde 1974, o Fla não vencia o Athletico no Paraná pelo torneio nacional, é mole? Com a vitória, o time de Jorge Jesus abriu oito pontos de vantagem na liderança, enquanto o Furacão caiu uma posição e agora é o 10º colocado.

Na segunda posição vem o Palmeiras, que derrotou o Botafogo jogando no Pacaembu. Thiago Santos fez o gol da vitória. A equipe carioca está em 13º na tabela.

Já o Santos ficou para trás. O Peixe empatou em zero a zero com o Internacional, sétimo colocado, fora de casa. A equipe da Vila Belmiro caiu para a terceira posição e está dez pontos atrás do líder Fla.

No clássico paulista, festa tricolor. Jogando no Morumbi, o São Paulo venceu o Corinthians por um a zero. Reinaldo fez de pênalti e garantiu a vitória. A equipe são paulina é a quinta colocada na tabela com o mesmo número de pontos do rival. O Timão segue em quarto. 

Depois de chegar a ocupar a zona do rebaixamento, quem chegou ao G6 foi o Grêmio. O Tricolor Gaúcho passou o trator e goleou o Atlético Mineiro, em pleno Independência, por quatro a um. O Grêmio está em sexto e o Galo é o 11º.  A derrota custou o emprego de Rodrigo Santana, demitido após uma sequência de 10 jogos sem vitória. 

O Ceará derrotou o Avaí por um a zero e saiu da zona do rebaixamento, ocupando agora o 16º lugar. O Avaí segue como penúltimo na classificação. 

Em casa, o Vasco bateu o Fortaleza por um a zero e subiu duas posições, terminando a rodada em 12º. Com a derrota, o Leão do Pici caiu duas posições e está em 15º, à beira da degola.

Dando mais um passo importante para fugir do rebaixamento, o Fluminense venceu o Bahia, no Maracanã, por dois a zero. O Flu é o 14º e o Bahia, o oitavo. 

No confronto na parte mais baixa da tabela, a Chapecoense lutou e conseguiu empatar com o Cruzeiro com gol no último lance do jogo. A Chape ainda é a lanterna do campeonato, enquanto a Raposa segue sem vencer desde a chegada de Abel Braga e é 18º com 22 pontos. 

Mostrando uma recuperação impressionante, o Goiás venceu mais uma. A vítima da vez foi o CSA: um a zero para o Esmeraldino, que chegou ao nono lugar. O CSA voltou para a zona do rebaixamento e ocupa a 17ª posição.

Raphael Costa

O repórter Raphael Costa formou-se em 2015 no Centro Universitário de Brasília (CEUB), mas deu início à sua carreira anteriormente. Originalmente paulista, começou em um programa de Rádio e TV local, até se mudar para Brasília. Com cerca de três anos de casa, é a voz que noticia esportes, agricultura e economia.


Cadastre-se

Mais um fim de semana recheado de emoção pelo Campeonato Brasileiro. Dez partidas movimentaram a 25ª rodada.

E quem para o líder Flamengo? O Rubro-Negro foi até a Arena da Baixada enfrentar o Athletico Paranaense e voltou com os três pontos. Bruno Henrique marcou duas vezes e garantiu a vitória diante do Furacão, quebrando um tabu de 45 anos. Desde 1974, o Fla não vencia o Athletico no Paraná pelo torneio nacional, é mole? Com a vitória, o time de Jorge Jesus abriu oito pontos de vantagem na liderança, enquanto o Furacão caiu uma posição e agora é o 10º colocado.

Na segunda posição vem o Palmeiras, que derrotou o Botafogo jogando no Pacaembu. Thiago Santos fez o gol da vitória. A equipe carioca está em 13º na tabela.

Já o Santos ficou para trás. O Peixe empatou em zero a zero com o Internacional, sétimo colocado, fora de casa. A equipe da Vila Belmiro caiu para a terceira posição e está dez pontos atrás do líder Fla.

No clássico paulista, festa tricolor. Jogando no Morumbi, o São Paulo venceu o Corinthians por um a zero. Reinaldo fez de pênalti e garantiu a vitória. A equipe são paulina é a quinta colocada na tabela com o mesmo número de pontos do rival. O Timão segue em quarto. 

Depois de chegar a ocupar a zona do rebaixamento, quem chegou ao G6 foi o Grêmio. O Tricolor Gaúcho passou o trator e goleou o Atlético Mineiro, em pleno Independência, por quatro a um. O Grêmio está em sexto e o Galo é o 11º.  A derrota custou o emprego de Rodrigo Santana, demitido após uma sequência de 10 jogos sem vitória. 

O Ceará derrotou o Avaí por um a zero e saiu da zona do rebaixamento, ocupando agora o 16º lugar. O Avaí segue como penúltimo na classificação. 

Em casa, o Vasco bateu o Fortaleza por um a zero e subiu duas posições, terminando a rodada em 12º. Com a derrota, o Leão do Pici caiu duas posições e está em 15º, à beira da degola.

Dando mais um passo importante para fugir do rebaixamento, o Fluminense venceu o Bahia, no Maracanã, por dois a zero. O Flu é o 14º e o Bahia, o oitavo. 

No confronto na parte mais baixa da tabela, a Chapecoense lutou e conseguiu empatar com o Cruzeiro com gol no último lance do jogo. A Chape ainda é a lanterna do campeonato, enquanto a Raposa segue sem vencer desde a chegada de Abel Braga e é 18º com 22 pontos. 

Mostrando uma recuperação impressionante, o Goiás venceu mais uma. A vítima da vez foi o CSA: um a zero para o Esmeraldino, que chegou ao nono lugar. O CSA voltou para a zona do rebaixamento e ocupa a 17ª posição.

Reportagem, Raphael Costa