Menu

Fortaleza repete vitória contra o Botafogo-PB e levanta Copa do Nordeste pela primeira vez

Bahia elimina São Paulo e times cariocas se dão bem na Sul-Americana

  • Repórter
  • Data de publicação:
Banners
Créditos: Gustavo Simão

Noite quente nos mata-matas do calendário brasileiro. Seis partidas por três campeonatos diferentes deram o ritmo desta quarta-feira, que teve até festa de campeão.

Isso porque o Nordeste tem dono. Fora de casa, o Fortaleza venceu de novo o Botafogo da Paraíba e se sagrou campeão da Copa do Nordeste. A equipe comandada por Rogério Ceni havia vencido o jogo de ida por um a zero e repetiu a dose nos domínios adversários. E não demorou para a vitória ser construída, isso porque logo aos três minutos de jogo, Wellington Paulista, que também marcou no primeiro jogo, fez o gol e garantiu o título inédito para o tricolor. Final, Botafogo da Paraíba zero, Fortaleza um.  Esse é o segundo título do Leão do Pici na temporada, o terceiro sob o comando de Rogério Ceni. Faz a festa torcedor do Fortaleza!

Pela Copa do Brasil teve queda de gigante. Na Arena Fonte Nova, o São Paulo não conseguiu o resultado e foi eliminado pelo Bahia. No choque entre tricolores, melhor para o time de Roger Machado, que venceu de novo. Apesar do time paulista ter mais posse de bola, era o Tricolor de Aço quem tinha as chances mais claras. Aos oito da segunda etapa, o zagueiro Ernando tratou de botar a bola na rede após bom contra-ataque. Bahia um, São Paulo eliminado zero. Com o resultado, o São Paulo dá adeus a mais uma competição e agora fica só na disputa do Brasileirão, já o Bahia está nas quartas de final.

Quem também carimbou a passagem para a próxima fase foi o Internacional, que fora de casa, derrotou o Paysandu mais uma vez e avançou. Um a zero para o Colorado em cima do Papão.

Outro que garantiu lugar nas quartas da Copa do Brasil foi o Grêmio, que venceu sem sustos o Juventude , em casa, por três a zero, com dois gols de Vizeu e um de Diego Tardelli.

Só festa para os brasileiros na Sul-Americana. Depois de ter vencido a partida de ida por um a zero, o Botafogo fez barba, cabelo e bigode diante do Sol de América, do Paraguai. No Engenhão, o Fogão goleou por quatro a zero e passou com autoridade para as oitavas do torneio continental.

Fora de casa, o Fluminense não teve moleza e perdeu por um a zero do Atlético Nacional, mas graças a grande vantagem construída no primeiro jogo, avançou de fase.

E tem mais emoção guardada para esta quinta-feira. Na Argentina, River Plate e Athletico Paranaense fazem a finalíssima da Recopa Sul-Americana. O empate dá ao Furacão o título inédito, pois venceu em casa por um a zero. 

Na Sul-Americana, o Corinthians joga contra o Deportivo Lara na Venezuela. O Timão pode perder por até um gol de diferença que ainda assim se classifica.

Pelas oitavas da Copa do Brasil, depois de vencer no Maranhão por um a zero, o Palmeiras joga em casa contra o Sampaio Correa.

Raphael Costa

O repórter Raphael Costa formou-se em 2015 no Centro Universitário de Brasília (CEUB), mas deu início à sua carreira anteriormente. Originalmente paulista, começou em um programa de Rádio e TV local, até se mudar para Brasília. Com cerca de três anos de casa, é a voz que noticia esportes, agricultura e economia.


Cadastre-se

Noite quente nos mata-matas do calendário brasileiro. Seis partidas por três campeonatos diferentes deram o ritmo desta quarta-feira, que teve até festa de campeão.

Isso porque o Nordeste tem dono. Fora de casa, o Fortaleza venceu de novo o Botafogo da Paraíba e se sagrou campeão da Copa do Nordeste. A equipe comandada por Rogério Ceni havia vencido o jogo de ida por um a zero e repetiu a dose nos domínios adversários. E não demorou para a vitória ser construída, isso porque logo aos três minutos de jogo, Wellington Paulista, que também marcou no primeiro jogo, fez o gol e garantiu o título inédito para o tricolor. Final, Botafogo da Paraíba zero, Fortaleza um.  Esse é o segundo título do Leão do Pici na temporada, o terceiro sob o comando de Rogério Ceni. Faz a festa torcedor do Fortaleza!

Pela Copa do Brasil teve queda de gigante. Na Arena Fonte Nova, o São Paulo não conseguiu o resultado e foi eliminado pelo Bahia. No choque entre tricolores, melhor para o time de Roger Machado, que venceu de novo. Apesar do time paulista ter mais posse de bola, era o Tricolor de Aço quem tinha as chances mais claras. Aos oito da segunda etapa, o zagueiro Ernando tratou de botar a bola na rede após bom contra-ataque. Bahia um, São Paulo eliminado zero. Com o resultado, o São Paulo dá adeus a mais uma competição e agora fica só na disputa do Brasileirão, já o Bahia está nas quartas de final.

Quem também carimbou a passagem para a próxima fase foi o Internacional, que fora de casa, derrotou o Paysandu mais uma vez e avançou. Um a zero para o Colorado em cima do Papão.

Outro que garantiu lugar nas quartas da Copa do Brasil foi o Grêmio, que venceu sem sustos o Juventude , em casa, por três a zero, com dois gols de Vizeu e um de Diego Tardelli.

Só festa para os brasileiros na Sul-Americana. Depois de ter vencido a partida de ida por um a zero, o Botafogo fez barba, cabelo e bigode diante do Sol de América, do Paraguai. No Engenhão, o Fogão goleou por quatro a zero e passou com autoridade para as oitavas do torneio continental.

Fora de casa, o Fluminense não teve moleza e perdeu por um a zero do Atlético Nacional, mas graças a grande vantagem construída no primeiro jogo, avançou de fase.

E tem mais emoção guardada para esta quinta-feira. Na Argentina, River Plate e Athletico Paranaense fazem a finalíssima da Recopa Sul-Americana. O empate dá ao Furacão o título inédito, pois venceu em casa por um a zero. 

Na Sul-Americana, o Corinthians joga contra o Deportivo Lara na Venezuela. O Timão pode perder por até um gol de diferença que ainda assim se classifica.

Pelas oitavas da Copa do Brasil, depois de vencer no Maranhão por um a zero, o Palmeiras joga em casa contra o Sampaio Correa.

Reportagem, Raphael Costa