Menu

Licenciamento de veículos pode ter aumento de 9,4% em 2020, estima Anfavea

Segundo a entidade, com esse aquecimento do mercado interno, a indústria automobilística espera produzir 7,3% mais veículos que em 2019

  • Repórter
  • Data de publicação:
Banners
Foto: EBC

A Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores, a Anfavea, divulgou as estimativas para o setor neste ano. De acordo com o presidente da entidade, Luiz Carlos Moraes, a expectativa é de aumento de 9,4% no licenciamento de automóveis.

“A Anfavea está divulgando aqui um crescimento importante para o ano de 2020; um crescimento de 9,4%, podendo atingir três milhões e cinquenta mil unidades licenciadas no Brasil. Esse é um número importante, voltando a demonstrar um otimismo moderado para o mercado brasileiro”, disse.

Com esse aquecimento do mercado interno, aponta a entidade, a indústria automobilística espera produzir 7,3% mais veículos que em 2019, mesmo com uma retração nas exportações estimada em 11%. 

“Nas exportações estamos mais conservadores, entendendo que as crises que os países da América Latina estão passando vão se manter pelo menos no curto prazo e também a questão de falta de competitividade da indústria como um todo vai dificultar as exportações”, conta.

Para o setor de máquinas, a Anfavea projeta um crescimento de 5,4% na produção e de 2,9% nas vendas.
 

Cintia Moreira

Em uma de suas experiências profissionais ganhou um prêmio jornalístico e jura que não tem pautas de preferência. Sua única preferência é que tenham pautas.


Conteúdos relacionados

Cadastre-se

LOC.: A Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores, a Anfavea, divulgou as estimativas para o setor neste ano. De acordo com o presidente da entidade, Luiz Carlos Moraes, a expectativa é de aumento de 9,4% no licenciamento de automóveis.

TEC./SONORA: presidente da Anfavea, Luiz Carlos Moraes.

“A Anfavea está divulgando aqui um crescimento importante para o ano de 2020; um crescimento de 9,4%, podendo atingir três milhões e cinquenta mil unidades licenciadas no Brasil. Esse é um número importante, voltando a demonstrar um otimismo moderado para o mercado brasileiro.”
 

LOC.: Com esse aquecimento do mercado interno, aponta a entidade, a indústria automobilística espera produzir 7,3% mais veículos que em 2019, mesmo com uma retração nas exportações estimada em 11%. É o que explica o presidente da Anfavea, Luiz Carlos Moraes.

TEC./SONORA: presidente da Anfavea, Luiz Carlos Moraes.

“Nas exportações estamos mais conservadores, entendendo que as crises que os países da América Latina estão passando vão se manter pelo menos no curto prazo e também a questão de falta de competitividade da indústria como um todo vai dificultar as exportações.”
 

LOC.: Para o setor de máquinas, a Anfavea projeta um crescimento de 5,4% na produção e de 2,9% nas vendas.

Reportagem, Cintia Moreira