Menu

Ministro Osmar Terra confirma pagamento do 13º salário do Bolsa Família

O valor é estimado em R$ 2,5 bilhões

  • Repórter
  • Data de publicação:
Banners
Foto: Agência Brasil

O ministro da Cidadania, Osmar Terra, confirmou nesta terça-feira (12) o pagamento do décimo terceiro salário do Bolsa Família de dezembro. O valor é estimado em R$ 2,5 bilhões.

Segundo o ministro, uma parte dos recursos virá do Orçamento Geral da União, que será revisto, e a outra parte, menor, virá de um pente-fino que está sendo feito no programa.

No que se refere à população de Brumadinho, que foi atingida pelo rompimento da Barragem da Mina do Corrégo do Feijão em janeiro, o ministro afirmou que um pacote de ações está em estudo para recuperar economicamente o município mineiro. O intuito é levar para a região um projeto turístico grande, que envolveria hotéis e resorts.

Uma outra possibilidade seria a parceria com uma grande rede de supermercados para a compra de alimentos produzidos por agricultores locais. Neste caso, para viabilizar a produção, que foi prejudicada também pela contaminação do Rio Paraopeba, vai haver um plano para construção de cisternas e poços artesianos destinados à irrigação.

 

Cintia Moreira

Com 3 anos de formação, Cintia sempre optou pelo radiojornalismo. Em uma de suas experiências profissionais ganhou um prêmio jornalístico e jura que não tem pautas de preferência. Sua única preferência é que tenham pautas.


Conteúdos relacionados

Cadastre-se

O ministro da Cidadania, Osmar Terra, confirmou nesta terça-feira (12) o pagamento do décimo terceiro salário do Bolsa Família de dezembro. O valor é estimado em R$ 2,5 bilhões.

Segundo o ministro, uma parte dos recursos virá do Orçamento Geral da União, que será revisto, e a outra parte, menor, virá de um pente-fino que está sendo feito no programa.

No que se refere à população de Brumadinho, que foi atingida pelo rompimento da Barragem da Mina do Corrégo do Feijão em janeiro, o ministro afirmou que um pacote de ações está em estudo para recuperar economicamente o município mineiro. O intuito é levar para a região um projeto turístico grande, que envolveria hotéis e resorts.

Uma outra possibilidade seria a parceria com uma grande rede de supermercados para a compra de alimentos produzidos por agricultores locais. Neste caso, para viabilizar a produção, que foi prejudicada também pela contaminação do Rio Paraopeba, vai haver um plano para construção de cisternas e poços artesianos destinados à irrigação.

Reportagem, Cintia Moreira