Menu

Presidente dos EUA visita Japão para estreitar laços comerciais

Donald Trump se encontrou com o imperador e primeiro-ministro japonês e discutiu também questões de segurança envolvendo a Coreia do Norte

  • Repórter
  • Data de publicação:
Banners
Foto: Issei Kato/Reuters

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e o novo imperador do Japão, Naruhito, se reuniram em Tóquio, nesta segunda-feira (27). Trump também se encontrou com o premiê do Japão, Shinzo Abe, para discutir questões sobre o comércio, a Coreia do Norte e a próxima reunião do G-20, que vai ocorrer em junho.

Os dois países, que querem acelerar discussões bilaterais, continuam divergindo sobre alguns temas em negociações comerciais. O que se sabe até agora é que Trump parece ansioso para reduzir o déficit comercial americano com o Japão.

O primeiro-ministro do Japão também conversou com Trump sobre como lidar com a Coreia do Norte, já que no início do mês houve disparos de mísseis balísticos na Península Coreana. Neste domingo (26), o presidente dos Estados Unidos publicou uma mensagem no Twitter, dizendo que esses lançamentos não o preocuparam. Porém, outros países, inclusive o Japão, entendem que essas operações violam resoluções das Nações Unidas.
 

Cintia Moreira

Com 3 anos de formação, Cintia sempre optou pelo radiojornalismo. Em uma de suas experiências profissionais ganhou um prêmio jornalístico e jura que não tem pautas de preferência. Sua única preferência é que tenham pautas.


Conteúdos relacionados

Cadastre-se

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e o novo imperador do Japão, Naruhito, se reuniram em Tóquio, nesta segunda-feira (27). Trump também se encontrou com o premiê do Japão, Shinzo Abe, para discutir questões sobre o comércio, a Coreia do Norte e a próxima reunião do G-20, que vai ocorrer em junho.

Os dois países, que querem acelerar discussões bilaterais, continuam divergindo sobre alguns temas em negociações comerciais. O que se sabe até agora é que Trump parece ansioso para reduzir o déficit comercial americano com o Japão.

O primeiro-ministro do Japão também conversou com Trump sobre como lidar com a Coreia do Norte, já que no início do mês houve disparos de mísseis balísticos na Península Coreana. Neste domingo (26), o presidente dos Estados Unidos publicou uma mensagem no Twitter, dizendo que esses lançamentos não o preocuparam. Porém, outros países, inclusive o Japão, entendem que essas operações violam resoluções das Nações Unidas.

Reportagem, Cintia Moreira