Menu

Programa para preenchimento da declaração do IRPF vai estar disponível nesta segunda

Neste ano, a Receita Federal espera receber 30,5 milhões de declarações

  • Repórter
  • Data de publicação:
Banners
Foto: Reprodução/Receita Federal

A partir desta segunda-feira (25), o programa para preenchimento da declaração do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) vai estar disponível no site receita.economia.gov.br. Os contribuintes também podem preencher a declaração por meio de tablets e smartphones, no aplicativo Meu Imposto de Renda.

Uma novidade é que, neste ano, é obrigatório o preenchimento do número do CPF de dependentes e alimentados de qualquer faixa etária de residentes no país. No ano passado, era obrigatório informar o CPF só para dependentes a partir de 8 anos.

De acordo com o auditor-fiscal Joaquim Adir, supervisor Nacional do Imposto de Renda da Receita Federal, quanto mais o contribuinte fizer a declaração de forma correta, menores as chances de ele cair na malha-fina.

“Bom, sempre o cuidado é fazer a declaração correta, de acordo com os documentos, ver se não tem documentos faltando, especialmente sobre rendimentos, porque as vezes a pessoa teve um rendimento, uma palestra, uma aula que deu, e às vezes esquece, rendimentos de aluguéis, por exemplo, então recebendo tem que informar; e ainda os rendimentos de dependentes, que ele não pode deixar de incluir na declaração os rendimentos de dependentes. Quanto mais correto ele fizer a declaração, menor a chance de ter a sua declaração retida em malha.”

Quem não entregar a declaração, vai estar sujeito a uma multa de 1% ao mês-calendário ou fração de atraso. A multa terá valor mínimo de R$ 165,74 e valor máximo correspondente a 20% do Imposto sobre a Renda devido.

Lembrando que a declaração pode ser entregue de 7 de março até 30 de abril. Neste ano, a Receita Federal espera receber 30 milhões e 500 mil declarações.

Segundo a Receita, as restituições do Imposto de Renda serão feitas em sete lotes a partir de junho deste ano.

Cintia Moreira

Com 3 anos de formação, Cintia sempre optou pelo radiojornalismo. Em uma de suas experiências profissionais ganhou um prêmio jornalístico e jura que não tem pautas de preferência. Sua única preferência é que tenham pautas.


Conteúdos relacionados

Cadastre-se

A partir desta segunda-feira (25), o programa para preenchimento da declaração do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) vai estar disponível no site receita.economia.gov.br. Os contribuintes também podem preencher a declaração por meio de tablets e smartphones, no aplicativo Meu Imposto de Renda.

Uma novidade é que, neste ano, é obrigatório o preenchimento do número do CPF de dependentes e alimentados de qualquer faixa etária de residentes no país. No ano passado, era obrigatório informar o CPF só para dependentes a partir de 8 anos.

De acordo com o auditor-fiscal Joaquim Adir, supervisor Nacional do Imposto de Renda da Receita Federal, quanto mais o contribuinte fizer a declaração de forma correta, menores as chances de ele cair na malha-fina.

“Bom, sempre o cuidado é fazer a declaração correta, de acordo com os documentos, ver se não tem documentos faltando, especialmente sobre rendimentos, porque as vezes a pessoa teve um rendimento, uma palestra, uma aula que deu, e às vezes esquece, rendimentos de aluguéis, por exemplo, então recebendo tem que informar; e ainda os rendimentos de dependentes, que ele não pode deixar de incluir na declaração os rendimentos de dependentes. Quanto mais correto ele fizer a declaração, menor a chance de ter a sua declaração retida em malha.”

Quem não entregar a declaração, vai estar sujeito a uma multa de 1% ao mês-calendário ou fração de atraso. A multa terá valor mínimo de R$ 165,74 e valor máximo correspondente a 20% do Imposto sobre a Renda devido.

Lembrando que a declaração pode ser entregue de 7 de março até 30 de abril. Neste ano, a Receita Federal espera receber 30 milhões e 500 mil declarações.

Segundo a Receita, as restituições do Imposto de Renda serão feitas em sete lotes a partir de junho deste ano.

Reportagem, Cintia Moreira