Menu

PROUNI: Inscrições começam dia 28 de janeiro

O prazo vai até o dia 31 de janeiro

  • Repórter
  • Data de publicação:
Banners
Foto: EBC

Estudantes de todo o país poderão se inscrever no Programa Universidade para Todos, o Prouni, a partir do dia 28 de janeiro. O prazo vai até o dia 31 de janeiro.

O ProUni oferta bolsas de estudo integrais, de 100%, ou de 50%, para estudantes de cursos de graduação e de cursos sequenciais de formação específica, em instituições privadas de educação superior.

As bolsas integrais são destinadas a estudantes com renda familiar bruta per capita de até um salário e meio. Já as bolsas parciais contemplam os candidatos que têm renda familiar bruta per capita de até 3 salários mínimos.

O ProUni é voltado para candidatos que não tenham diploma de curso superior e que participaram do Enem 2018. Os alunos devem ter cursado o ensino médio completo em escola pública ou em instituição privada como bolsistas integrais. Além disso, é necessário ter obtido nota mínima de 450 pontos na média aritmética das notas nas provas do Enem.

Também podem participar do programa alunos com deficiência e professores da rede pública.
 

Cintia Moreira

Em uma de suas experiências profissionais ganhou um prêmio jornalístico e jura que não tem pautas de preferência. Sua única preferência é que tenham pautas.


Conteúdos relacionados

Cadastre-se

LOC.: Estudantes de todo o país poderão se inscrever no Programa Universidade para Todos, o Prouni, a partir do dia 28 de janeiro. O prazo vai até o dia 31 de janeiro.

O ProUni oferta bolsas de estudo integrais, de 100%, ou de 50%, para estudantes de cursos de graduação e de cursos sequenciais de formação específica, em instituições privadas de educação superior.

As bolsas integrais são destinadas a estudantes com renda familiar bruta per capita de até um salário e meio. Já as bolsas parciais contemplam os candidatos que têm renda familiar bruta per capita de até 3 salários mínimos.

O ProUni é voltado para candidatos que não tenham diploma de curso superior e que participaram do Enem 2018. Os alunos devem ter cursado o ensino médio completo em escola pública ou em instituição privada como bolsistas integrais. Além disso, é necessário ter obtido nota mínima de 450 pontos na média aritmética das notas nas provas do Enem.

Também podem participar do programa alunos com deficiência e professores da rede pública.

Com colaboração de Cintia Moreira, reportagem, Ricardo Ribeiro