Menu

Toledo leva primeiro turno no PR e Fla começa Taça Rio com goleada

Toledo leva primeiro turno no PR e Fla começa Taça Rio com goleada

  • Repórter Raphael Costa
  • Data de publicação: 25 de Fevereiro de 2019, 09:16h
Banners
Créditos: Federação Paranaense de Futebol

O carnaval está cada dia mais próximo e em muitos lugares do país o fim de semana já foi de muito folia na rua, mas nem só de marchinha e purpurina vive o brasileiro. Neste fim de semana, tivemos rodada dos estaduais e teve time surpreendendo e levantando a taça.

No Paraná, Coritiba e Toledo se enfrentaram no Couto Pereira na final do primeiro turno. Na etapa inicial, os visitantes mostraram que queriam levar a taça, enquanto o Coxa esperava o adversário. Depois de muito tentar, veio o gol. Aos 42, Revson bateu falta a abriu o placar para o time do Oeste Paranaense.

Na volta do intervalo, reação rápida do Coxa. Rodrigão deixou tudo igual aos dois minutos. Os times ainda tiveram chances, mas a partida foi para os pênaltis. Em um festival de erros nas cobranças, melhor para os visitantes, que erraram menos e venceram por três a dois. Pela primeira vez na história, Toledo Esporte Clube campeão da Taça Barcímio Sucupira Júnior. A vitória dá uma vaga na finalíssima do Parananense. Caso ganhe o segundo turno, será declarado  campão estadual automaticamente. Além da taça, o Porco garantiu uma vaga na Série D e na Copa do Brasil do ano que vem.

No Rio de Janeiro, a Nação Rubro-Negra voltou a sorrir. Na primeira rodada da Taça Rio, o segundo turno do Carioca, o Flamengo goleou o Americano por quatro a um. Vitinho, até então criticado pela torcida, fez dois, Gabigol desencantou e Diego fechou a conta. Espinho descontou para o Americano. 

No clássico entre Botafogo e Vasco, empate por um a um no Engenhão. Na estreia de Paulp Henrique Ganso, o Fluminense bateu o Bangu por dois a zero.

Também teve clássico em São Paulo. O esperado duelo entre Palmeiras e Santos decepcionou os torcedores. Apesar da partida movimentada e com chances claras de lado a lado, as duas equipes não saíram do zero a zero. 

Em Ribeirão Preto, o Corinthians precisou suar a camisa para derrotar o Botafogo, fora de casa. Um a zero para o Timão, gol do argentino Boselli, o primeiro dele desde que chegou ao clube no início do ano. 

Com protesto da torcida e gritos de “time amarelão”, o São Paulo não saiu do zero a zero contra o RB Brasil, no Morumbi. Esse foi o quinto jogo seguido do Tricolor sem vitória.

Em Minas Gerais, o Atlético derrotou o Villa Nova por três a um e se manteve na liderança do estadual. Na cola vem o América, que bateu o Boa Esporte fora de casa por dois a um. Apenas um ponto separam o Galo e o Coelho. Quem se afastou nessa corrida pela ponta da tabela foi o Cruzeiro, que empatou por um a um com o URT. 

No Gaúcho, o Internacional arrancou uma vitória magra contra o Avenida fora de casa. Um a zero para o Colorado, gol do jovem argentino Sarrafiore.
Ainda pelo Sul do país, em Santa Catarina, o Figueirense se manteve na liderança, mesmo após o empate com o Criciúma em um a um. Isso porque a vice-líder Chapecoense perdeu fora de casa para o Marcílio Dias.

Diferente do Avaí, que mesmo fora de casa, fez três a zero no Metropolitano. Tentando se recuperar no segundo turno do estadual, o Joinville derrotou o Brusque por um a zero.

Três jogos agitaram as terras baianas neste fim de semana. Juazeirense e Vitória ficaram no um a um, enquanto Bahia de Feira e Jequié ficaram no dois a dois. Fora de casa, o Vitória da Conquista fez três a um no Fluminense de Feira. 

Nesta segunda, tem mais bola rolando. Pelo Gauchão, o Grêmio entra em campo contra o Veranópolis, a partir das oito da noite, horário de Brasília
 


Comente...

Cadastre-se

O carnaval está cada dia mais próximo e em muitos lugares do país o fim de semana já foi de muito folia na rua, mas nem só de marchinha e purpurina vive o brasileiro. Neste fim de semana, tivemos rodada dos estaduais e teve time surpreendendo e levantando a taça.

No Paraná, Coritiba e Toledo se enfrentaram no Couto Pereira na final do primeiro turno. Na etapa inicial, os visitantes mostraram que queriam levar a taça, enquanto o Coxa esperava o adversário. Depois de muito tentar, veio o gol. Aos 42, Revson bateu falta a abriu o placar para o time do Oeste Paranaense.

Na volta do intervalo, reação rápida do Coxa. Rodrigão deixou tudo igual aos dois minutos. Os times ainda tiveram chances, mas a partida foi para os pênaltis. Em um festival de erros nas cobranças, melhor para os visitantes, que erraram menos e venceram por três a dois. Pela primeira vez na história, Toledo Esporte Clube campeão da Taça Barcímio Sucupira Júnior. A vitória dá uma vaga na finalíssima do Parananense. Caso ganhe o segundo turno, será declarado  campão estadual automaticamente. Além da taça, o Porco garantiu uma vaga na Série D e na Copa do Brasil do ano que vem.

No Rio de Janeiro, a Nação Rubro-Negra voltou a sorrir. Na primeira rodada da Taça Rio, o segundo turno do Carioca, o Flamengo goleou o Americano por quatro a um. Vitinho, até então criticado pela torcida, fez dois, Gabigol desencantou e Diego fechou a conta. Espinho descontou para o Americano. 

No clássico entre Botafogo e Vasco, empate por um a um no Engenhão. Na estreia de Paulp Henrique Ganso, o Fluminense bateu o Bangu por dois a zero.

Também teve clássico em São Paulo. O esperado duelo entre Palmeiras e Santos decepcionou os torcedores. Apesar da partida movimentada e com chances claras de lado a lado, as duas equipes não saíram do zero a zero. 

Em Ribeirão Preto, o Corinthians precisou suar a camisa para derrotar o Botafogo, fora de casa. Um a zero para o Timão, gol do argentino Boselli, o primeiro dele desde que chegou ao clube no início do ano. 

Com protesto da torcida e gritos de “time amarelão”, o São Paulo não saiu do zero a zero contra o RB Brasil, no Morumbi. Esse foi o quinto jogo seguido do Tricolor sem vitória.

Em Minas Gerais, o Atlético derrotou o Villa Nova por três a um e se manteve na liderança do estadual. Na cola vem o América, que bateu o Boa Esporte fora de casa por dois a um. Apenas um ponto separam o Galo e o Coelho. Quem se afastou nessa corrida pela ponta da tabela foi o Cruzeiro, que empatou por um a um com o URT. 

No Gaúcho, o Internacional arrancou uma vitória magra contra o Avenida fora de casa. Um a zero para o Colorado, gol do jovem argentino Sarrafiore.
Ainda pelo Sul do país, em Santa Catarina, o Figueirense se manteve na liderança, mesmo após o empate com o Criciúma em um a um. Isso porque a vice-líder Chapecoense perdeu fora de casa para o Marcílio Dias.

Diferente do Avaí, que mesmo fora de casa, fez três a zero no Metropolitano. Tentando se recuperar no segundo turno do estadual, o Joinville derrotou o Brusque por um a zero.

Três jogos agitaram as terras baianas neste fim de semana. Juazeirense e Vitória ficaram no um a um, enquanto Bahia de Feira e Jequié ficaram no dois a dois. Fora de casa, o Vitória da Conquista fez três a um no Fluminense de Feira. 

Nesta segunda, tem mais bola rolando. Pelo Gauchão, o Grêmio entra em campo contra o Veranópolis, a partir das oito da noite, horário de Brasília.

Reportagem, Raphael Costa