Menu

TSE começa fase de testes das novas urnas eletrônicas

  • Repórter
  • Data de publicação:
Banners
Foto: Agência Brasil

Os protótipos dos novos modelos de urnas eletrônicas devem entrar em fase de testes nesta terça-feira (21). Segundo o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), as empresas que participaram da licitação para a fabricação dos dispositivos entregaram novas propostas técnicas e protótipos porque “foram desclassificadas, posteriormente, por não cumprirem especificações técnicas previstas no edital da licitação.”

O edital de licitação foi publicado em julho de 2019 para a aquisição de 100 mil urnas, que substituirão os dispositivos de 2006 e 2008 e ultrapassam o tempo de uso previsto de 10 anos. 
De acordo com o TSE, a urna eletrônica modelo 2020 terá um novo design para permitir que o eleitor tenha funcionalidades de ergonomia. A tela e o teclado serão "integrados" em uma única visão, o que deve agilizar a votação.

A fase de testes irá do dia 21 ao dia 26 de janeiro. O resultado dessa fase deve ser publicado no dia 27 de janeiro.

 

Camila Costa

Jornalista formada há 10 anos, foi repórter de política no Jornal Tribuna do Brasil, do Jornal Alô Brasília e do Jornal de Brasília. Por cinco anos esteve no Correio Braziliense, como repórter da editoria de Cidades. Foi repórter e coordenadora de redação na Secretaria Especial de Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário (Sead), vinculada à Presidência da República. Recebeu, por duas vezes, o Prêmio PaulOOctavio de Jornalismo e, em 2014, o Prêmio Imprensa Embratel/Claro 15° Edição. Hoje, Camila é repórter da redação da Agência do Rádio.


Cadastre-se

LOC.: Os protótipos dos novos modelos de urnas eletrônicas devem entrar em fase de testes nesta terça-feira (21). Segundo o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), as empresas que participaram da licitação para a fabricação dos dispositivos entregaram novas propostas técnicas e protótipos porque “foram desclassificadas, posteriormente, por não cumprirem especificações técnicas previstas no edital da licitação.”

O edital de licitação foi publicado em julho de 2019 para a aquisição de 100 mil urnas, que substituirão os dispositivos de 2006 e 2008 e ultrapassam o tempo de uso previsto de 10 anos. 
De acordo com o TSE, a urna eletrônica modelo 2020 terá um novo design para permitir que o eleitor tenha funcionalidades de ergonomia. A tela e o teclado serão "integrados" em uma única visão, o que deve agilizar a votação.

A fase de testes irá do dia 21 ao dia 26 de janeiro. O resultado dessa fase deve ser publicado no dia 27 de janeiro.

Reportagem, Camila Costa